acesso estrutura disciplinas docentes informacoes contactos links

 

Disciplinas > Evolução

 



 

 

 

 

 

Nome

Evolução

Código

 

Departamento

DBA

Prof Responsável


Posição na Lic BMG

2º ano, 2 º sem, Obrigatória

Créditos

ECTS: 6, UC: 3

Posição em outros cursos

Disciplina do tronco comum a todas as licenciaturas em Biologia.

Pré-requisitos

 

Fundamentação


Programa Teórico


INTRODUÇÃO GERAL

Definições; breve revisão histórica do pensamento evolutivo; a evolução como um facto e uma teoria: questões fundamentais da biologia contemporânea; o interesse do estudo da evolução e sua contribuição para outras áreas da biologia, medicina (saúde), ambiente (e conservação) e do conhecimento em geral; necessidade de um novo paradigma para a Biologia do séc. XXI - que desafios?

EVIDÊNCIAS A FAVOR DA EVOLUÇÃO
Microevolução e macroevolução; provas de mutabilidade das espécies (dados paleontológicos e biogeográficos); provas de origem comum (homologias morfológicas e moleculares); selecção artificial e produção de espécies novas; provas de selecção natural (exs. de casos observados nas populações naturais – alterações morfológicas, comportamentais e fisiológicas).

MECANISMOS GENÉTICOS DE EVOLUÇÃO
Genes - indivíduos - populações: expressão génica simples e hereditariedade poligénica - dominância incompleta e co-dominância; epistasia, pleiotropia, alelos múltiplos; alterações nas frequências genotípicas e haplotípicas – a migração, a mutação, a selecção, a deriva genética e a consanguinidade; polimorfismo e variabilidade genética.

EVOLUÇÃO MOLECULAR E GENÓMICA
Evolução molecular e marcadores moleculares; dinâmica intra- e intergenómica; processos não-mendelianos geradores de variabilidade genómica; DNA repetitivo e paradoxo do valor de C; diferentes tipos de mutação e efeitos nas populações; duplicação génica e poliploidização do genoma; elementos genéticos móveis - que futuro?

SELECÇÃO NATURAL E ADAPTAÇÃO
Selecção natural, pressões selectivas e unidades de selecção; selecção sexual e valor adaptativo do sexo; reprodução sexuada versus não-sexuada; adaptação e coadaptação; evolução sequencial e coevolução; interacções mutualistas (planta-herbívoro) e antagonísticas (predador-presa, parasita-hospedeiro).

MODOS E MECANISMOS DE ESPECIAÇÃO
Isolamento reprodutor e as barreiras ao fluxo genético entre populações / espécies; papel da hibridação; tipos de especiação (alopátrica, parapátrica e simpátrica); a genética e as causas da especiação.

Programa Prático

Informação detalhada aqui http://dba.fc.ul.pt/evo/TP_Evo05.html

Resultados Expectáveis

 

Literatura aconselhada

FUTUYMA, D. 1998. Evolutionary Biology. 3ª Edição, Sinauer, Sunderland.

RIDLEY, M. 2004. Evolution. 3ª Edição, Blackwell Science.

SOLER, M. (ed) 2003. Evolución. La base de La Biología. Proyecto Sur de Ediciones, S.L.

Avaliação

A avaliação terá duas componentes:

1) Aulas teóricas: exame final (individual e sem consulta) – perguntas de escolha múltipla e uma pergunta de desenvolvimento (a escolher entre duas propostas) – 17 valores; nota mínima do exame escrito 8,5 valores.

2) Aulas teórico-práticas: a participação activa dos alunos nos vários trabalhos / debates e a elaboração de um texto (uma página A4: 3500-4000 caracteres) de “Análise Crítica” individual das aulas (Pontos fortes e fracos) a entregar na última aula - 3 valores*.

*Nota: é obrigatória a frequência de 2/3 das TPs para o aluno ser aceite a exame final e cada falta injustificada será penalizada com -0,5 valores.

Página Web da Disciplina

http://dba.fc.ul.pt/evo/